Barra do Corda, Ma, Data Atual, Hora Atual









Aniversariantes do Mês

03Larissa Teixeira Borges
17Cesar Augusto Borges Ferreira
24Sarah Raquel Oliveira Chaves
26Samuel Egson M. Rodrigues
28Gabriela Brito de Morais
28Isabela Brito de Morais


SALATTA É O PRIMEIRO NA PISCINA OLÍMPICA

Autor: Leonardo Delgado
E-mail: aquabarra@sapo.pt
Enviado em: 28 de janeiro de 2008

Os nadadores brasileiros já estão em Pequim e testaram nesta segunda-feira, 28/01, a piscina do Parque Aquático Nacional ou “Cubo Aquático”. Lucas Salatta foi o primeiro a cair na água da piscina de competição que tem as mesmas medidas da piscina principal do Parque Aquático Maria Lenk (50m de comprimento, 25 m de largura e 3 m de profundidade).

Lucas Salatta, Flávia Delaroli-Cazziolato, Henrique Barbosa e Nicholas Santos foram os quatro dos nove atletas que já possuem índices para os Jogos Olímpicos que incluíram o Evento Teste de Natação em sua programação. A competição que é realizada seis meses antes da competição na arena principal serve para testar instalações, logística, serviços e voluntariado.

Segundo o superintendente técnico de natação da CBDA e chefe da equipe em Pequim, prof. Ricardo de Moura, ainda existem obras em andamento, mas o essencial já está pronto. A FINA fez também nesta segunda-feira a primeira inspeção após a conclusão da maior parte das obras.

- Na verdade é uma nova filosofia de arquitetura. Senti como se fosse uma arquitetura temática cujo tema principal é a água, rodeado de tecnologia para preservação do ambiente: a água da chuva é reaproveitada, vários cartazes indicando para economizar água, vai haver um SPA temático, para todos os lados você não tem como não lembrar de água, mesmo porque a parede tem duas camadas com canos e dutos por onde vai jorrar água o tempo todo – disse.

O Brasil é um dos 31 países participantes e as provas começam nesta sexta-feira, 31/01, às 18h30 local. Com a diferença de mais 11 horas, o início será às 5h30 do dia 1º de fevereiro, no Brasil.

Assim como Lucas Salatta foi o primeiro brasileiro a entrar na piscina chinesa para treinar, também será o primeiro para competir. Ele está nos 200m livre masculino, segunda prova do programa do Evento Teste




MENSAGEM DE FERNANDA KELLER

Autor: Leonardo Delgado
E-mail: aquabarra@sapo.pt
Enviado em: 25 de janeiro de 2008

 

O caminho da determinação é para poucos.

É difícil resistir aos prazeres imediatos em função de um objetivo a longo prazo.

É por isso que muitas pessoas tem dificuldades de largar o cigarro, de emagrecer, de cultivar hábitos de vidas saudáveis.

A conquista de um alvo exige dedicação, sacrifícios, suportar dores, ultrapassar incômodos deixar de freqüentar eventos e restringir o círculo de familiares e amigos, que demanda investimento de tempo.

É por essa razão que a maioria das pessoas usam atalhos, como investir nos relacionamentos para ajudar a superar obstáculos, e se preocupa menos com o esforço pessoal.

No caso de um atleta, não possui atalhos é ele ou ele.

O fato é que é preciso equilibrar a vida pessoal e a profissão para não entrar em conflitos.




MINISTRO ANUNCIA AUMENTO DE 100% NO ORÇAMENTO DO BOLSA-ATLETA

Autor: Leonardo Delgado
E-mail: aquabarra@sapo.pt
Enviado em: 24 de janeiro de 2008

Os atletas brasileiros que ainda não têm patrocínio terão chances maiores de serem ajudados financeiramente pelo governo brasileiro. Esta, pelo menos, é a promessa do ministro dos Esportes, Orlando Silva, que anuncia um aumento de 100% no orçamento de 2008 para o programa Bolsa-Atleta.
“De 2007 para 2008, vamos dobrar o orçamento. Vai passar de R$ 13 milhões para R$ 26 milhões, o que vai permitir atender um maior número de atletas”, informa o ministro, que até o momento tem aprovado a iniciativa que atende 1.031 esportistas.

O processo de escolha dos agraciados com o projeto, inclusive, também deve passar por reformulações. “Estudamos o programa e vamos tomar medidas para agilizar o processo de seleção, de modo que os atletas que se habilitarem para receber essa bolsa possam em um prazo mais curto receber o Bolsa-Atleta”, prometeu Orlando Silva, sem dar mais detalhes sobre as novidades do programa.

O Bolsa-Atleta é um programa do Ministério do Esporte que oferece recursos a atletas brasileiros que tenham potencial para representar o país em Olimpíadas. De acordo com a pasta, a idéia é manter o estímulo dos esportistas auxiliando seus custos para treinamentos e competições.

A bolsa governamental é dividida em quatro categorias, com remuneração mensal diferente: Estudantil (R$ 300), Nacional (R$ 750), Internacional (R$ 1,5 mil), Olímpico ou Paraolímpico (R$ 2,5 mil).




FREDERICO CASTRO INICIA VIAGEM PARA PEQUIM

Autor: José de Oliveira Ramos
E-mail: joseoramos2006@ig.com.br
Enviado em: 24 de janeiro de 2008

Frederico Veloso de Castro, nadador maranhense da MAC/Nina e da Seleção Brasileira de Natação, recordista nacional na prova dos 200m Borboleta, iniciou na semana passada uma muito bem traçada planilha de treinamentos que pode culminar nos Jogos Olímpicos de Beijing.

Sob orientação do professor Alexandre Nina, Frederico Castro treina de forma intensa, não apenas para conquistar medalhas de ouro nas três provas que nada (50m, Borboleta; 100m, Borboleta e 200m, Borboleta). O objetivo é atingir o índice estabelecido pela CBDA e pela FINA para as três provas nos Jogos Olímpicos.

Frederico Castro inicia luta por vaga nas Olimpíadas Frederico Castro participa nos dias 6 (Eliminatórias), 7 (Finais), 8 (Eliminatórias), 9 (Finais), 10 (Eliminatórias) e 11 (Finais) de maio, no Rio de Janeiro, do XLVIII Campeonato Brasileiro Absoluto de Natação (Troféu Maria Lenk de Natação – Copa Correios) a ser realizado na piscina olímpica (50 metros) do Parque Aquático Municipal Maria Lenk.

O TROFÉU MARIA LENK DE NATAÇÃO será a última seletiva para os XXIX Jogos Olímpicos de Beijing/China.

O técnico Alexandre Nina acredita que “Frederico tem todas as condições para conseguir baixar o seu atual tempo, principalmente na prova dos 200m Borboleta, e, com muita dedicação e interesse atingir o índice estabelecido pela FINA e pela CBDA.” Frederico Castro, por sua vez, tem certeza que, “treinando com muita disciplina e de acordo com a planilha de treinamentos, poderemos atingir a meta, que, diga-se de passagem, não é fácil. É um grande desafio, que qualquer um tentaria vencer para representar o Maranhão e o Brasil nos Jogos Olímpicos”, conclui Frederico.




NATAÇÃO: PHELPS INICIA ANO OLÍMPICO COM METAS OUSADAS

Autor: Leonardo Delgado
E-mail: aquabarra@sapo.pt
Enviado em: 19 de janeiro de 2008

Grande sensação dos Jogos Olímpicos de Atenas, o norte-americano Michael Phelps inicia a temporada 2008 neste sábado com grandes objetivos. A meta do grande rival de Thiago Pereira é bater o recorde de sete medalhas de ouro do compatriota Mark Splitz, conquistado nos Jogos de Munique, em 1972.

"É o maior ano de minha vida. Tenho objetivos consideráveis e terei de me dedicar muito de agora em diante", acredita ele, que, depois de três semanas de treinamento de altitude no Colorado, iniciará a preparação em nove torneios seguidos - o primeiro é o Grand Prix do sul da Califórnia. "Ao final da pré-temporada, comecei a me sentir bem novamente. Agora preciso competir, ver como estão meus tempos e o que precisarei melhorar".

Phelps também comentou sobre a pior lesão de sua carreira, ocorrida em outubro passado. Na ocasião, o nadador quebrou o punho direito ao escorregar quanto tentava entrar em um carro. Desse modo, ele ficou duas semanas longe das piscinas. "Demorei um tempo para recuperar os movimentos no meu punho. Se eu pudesse passar este ano numa bolha para não me machucar, eu provavelmente o faria. Só sairía de lá para nadar, comer e dormir".



FINA

Confederação Brasileira de Natação

Federação Maranhense de Desportos Aquáticos - FMDA

E-books de Ed. Física
E-books de Ed. Física

Swim It Up

Swimnews

Pro Swim

aquabarrabdc

Best Swimming

Not Nat

Orkut Aquabarra

Blog Paineiras

© Escola de Natação Aquabarra

Webmaster: Leonardo Delgado